17/07/2016 – O Senhor pode confiar em você?
Por Comunicação BNA | 411 Visualizações | 18/07/16

Confiar-em-Deus

Sem. 17/07 a 23/07/2016
MT 25:14-30

Este texto da Parábola dos Talentos nos ensina que quando Deus coloca algo em nossas mãos Ele entrega segundo nossa capacidade (v.15), porque confia em nós. Hoje, como servos do Senhor devemos ser fiéis administradores do que nos foi confiado, e valorizar aquilo que Ele colocou em nossas mãos, pois teremos que prestar contas de tudo que o Senhor nos confiou.  Porém somos livres para escolher qual atitude tomar, em relação ao que nos foi confiado. Como Igreja temos sido desafiados alcançar vidas para o Senhor Jesus, e você é importante para que este alvo seja alcançado. Não seja negligente a este chamado, mais vista a camisa, sonhe conosco e mãos a obra.

O Texto nos apresenta dois tipos de servos:

  1. Servo bom e fiel (v. 16,17 e 21): os dois servos considerados bons e fieis, tiveram a mesma atitude que foi o que nos chamou a atenção ao receber o seus talentos saíram imediatamente. Quando Deus nos confia algo, não a tempo a perder, precisamos ter a atitude de sairmos imediatamente, para exercer o que nos foi confiado. Essa total confiança de Deus em nós é porque ele acredita que somos capazes de exercer um bom papel de servo, não devemos esperar, temos que começar a trabalhar imediatamente. Esses servos pegaram a causa do seu senhor pra si, como meta para sua vida. Precisamos assim como eles pegar a causa do nosso Senhor pra nós, como meta de vida, não importando o preço a se pagar. Nossa Igreja lançou um objetivo de 112 células, e mil e duzentos discípulos esse ano. O que você tem feito por esse alvo? Trabalhe conosco por esse objetivo.
  1. Servo mal e negligente (v.18, 24á 26): O que recebera um talento, teve medo e receio, pois conhecia o seu senhor , e diferente dos outros enterrou o seu talento. O que Deus colocou em suas mãos e você enterrou? Muitas vezes somos tomados pelo medo, e acabamos tendo a mesma atitude que esse servo teve, nos sentimos incapazes de administrar aquilo que nos foi confiado, e achamos melhor sermos apáticos do que arriscar e errar, mas se Deus te escolheu para fazer parte deste ministério é porque confia em você para essa conquista e para este sonho. Seja um com o seu líder, sua célula, seja um com seus pastores, apóstolos, seja um com o reino de Deus, não reme contra sua própria embarcação, mas seja um aqui, onde Deus te colocou. Coloque metas pra você mesmo, e trabalhe para alcança-las. Não deixe que o inimigo das nossas almas minta, colocando em seu coração um engano de incapacidade. Você é capaz de fazer parte desta conquista, não apenas por aparência, mas por merecimento do bom trabalho.

 Conclusão:Sendo assim tirai dele o talento que lhe confiei”(v.28 e 29). O Senhor tira daquele que tinha pouco, e dá para aqueles que trabalharam e multiplicaram os Seus talentos. Quando não exercemos o a tarefa á qual o Senhor nos confiou, ELE tira de nossas mãos e coloca nas mãos daquele que está apto para executar o que lhe foi proposto. Não faça descaso daquilo que o senhor confiou a você, pois sabemos que tudo que nos foi proposto pelo senhor, um dia teremos que prestar conta, e é ELE quem decidirá que tipo de recompensa cada um receberá. O versículo 30 deixa bem claro para nós, “quanto ao servo inútil, lançai-o para fora, às trevas. Ali haverá muito pranto e ranger de dentes”. O nosso descanso não é aqui, precisamos estar ocupados com as prioridades do reino, com aquilo que o Senhor nos confiou a fazer, até que chegue o grande dia da prestação de contas com o Zeloso Senhor. Use os talentos que Deus lhe deu a serviço Dele e não tenha medo de assumir os riscos pelas causas do reino.

Não seja um peso, mas seja aquele servo que trará mais trabalhadores para o reino, seja um conosco. O Senhor pode contar com você?

Juliano Oliveira e Rebecca Crisley
2016 – “Ano da Reforma”
Acesse: www.bna12.com.br

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

 Top