22/02/2015 – Não troque o que é Eterno pelo que é Transitório
Por Comunicação BNA | 240 Visualizações | 09/06/15

tumblr_m4yw9bmq1p1rsmfs0o1_500

Sem. 22 a 28/02/15
Lc. 17:26 – 27.

Neste texto, Jesus chama a atenção para os acontecimentos dos últimos dias. Como a sociedade estaria vivendo, e onde estaria o foco, ou prioridades da humanidade. Interessante que Jesus não enfoca a vida pecaminosa, a depravação, a violência e a corrupção generalizada da raça humana. Mas Ele chama a atenção para o cotidiano
da vida do homem: coisas que envolvem as nossas preocupações diárias. O texto diz que aquela geração comia, bebia, casava e dava-se em casamento. O cotidiano não permitiu que eles ouvissem o alerta de Noé. Não perceberam o perigo, até que foram pegos de surpresa. Já não havia mais tempo, a única porta de salvação para
eles havia se fechado. Sem duvida alguma, a usura, a ambição exagerada e uma vida marcada por um caráter pecaminoso, além de uma mente cauterizada pela ignorância espiritual, têm mantido muita gente longe da graça salvadora de Cristo. Mas Cristo, especificamente neste texto, está apontando o perigo da inversão de prioridades. E em relação a este perigo, nem mesmo a igreja do Senhor está isenta (Mt. 6: 25 – 34). Esta inversão de valores tem impedido as pessoas de se comprometerem com Deus.

“Nem só de pão viverá o homem, mas de toda a palavra que procede da boca de Deus” (Mt. 4:4).

1) Aprender a Remir o Tempo – O nosso relacionamento com Deus é marcado pelas experiências que temos com Ele. O grande desafio para que isso aconteça está exatamente no tempo que temos disponibilizado para este fim. É muito comum ouvirmos pessoas dizer: “o meu dia precisava ter 48 horas”. Não dá para comprar, emprestar, ou guardar o tempo. Por isso, precisamos administrar a nossa vida de forma a reservar o tempo necessário para estarmos na presença de Deus. As experiências com Deus estão ficando cada vez mais raras, pois cada vez mais estamos ficando sem tempo para as coisas de Deus. É importante lembrar que só teremos de Deus o quanto estamos dispostos a ter. Dê o melhor do seu tempo para Deus

2) Não Troque o que é fundamental pelo o que é importante – É importante o lazer, o trabalho, os estudos, o dinheiro, a profissão, etc… É certo que precisamos comer, comprar, vender, casar etc… Mas é fundamental servir a Deus. Qual tem sido a qualidade do seu tempo para Deus? Ele realmente tem ocupado primazia em sua vida? Cuidado com as artimanhas do inimigo que vem com o propósito para roubar o nosso tempo com Deus. Lemos em Êxodo 5: 7,8 que Faraó ficou incomodado com a proposta dos hebreus. Eles queriam sair do Egito para adorar a Deus. Por isso Faraó deu ordem para que aumentasse a carga de trabalho para que o povo desistisse da ideia de adorar a Deus. Essa tem sido uma das estratégias usada pelo inimigo para impedir que as pessoas façam compromisso com Deus. Pois estão tão atarefadas, abarrotadas de afazeres que não dispõem mais de tempo para o Senhor em suas vidas. Estão sempre apressadas, pois sempre tem alguma coisa para fazer e o Reino de Deus vai ficando pra depois.

Conc. Reveja suas prioridades. Fazer um bom negócio, trabalhar, ir às compras, cuidar da casa, estudar para um concurso, ter um tempo para o lazer e descansar, entre outras atividades, são coisas muito importantes, mas não devem estar à frente de Deus nas nossas vidas.

18/02/2015 “Restaurando o Altar para Legitimar uma Colheita Fiel”
Apls. Ivanildo e Cassia Faria

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

 Top