26/03/2017 – Vivendo Uma Vida com Objetivos – Parte III
Por Comunicação BNA | 170 Visualizações | 27/03/17

 

“Vivendo Uma Vida Com Objetivos – Parte III”

 

João 10:10; Fil. 3:12-14 Sem. 26/03 a 01/04/17

 

O apostolo Paulo era um homem com uma visão definida do que ele queria, não tinha dúvida. “O homem que vacila seus pensamentos, não alcança a benção de Deus” (Tg. 1:7,8). Ele propôs no seu coração em pregar onde Cristo ainda não havia sido anunciado, e isto iria implicar em uma série de situações que teria de arriscar a própria vida. Mas nem mesmo os riscos eminentes, as ameaças, as prisões, os açoites etc… poderiam afastá-lo dos seus objetivos. Ele tinha alvos, metas, ambições. (Rm. 15:20).

“Ambição correta com motivações corretas não é pecado.” Paulo tinha uma ambição: “Sua principal ambição era pregar o evangelho aos que ainda não tinham ouvido.” Qual é a sua ambição?

Quando você entende que não está nesta terra por obra do acaso, e que Deus tem sonhos pra você, então você passa a viver focado nos propósitos de Deus.
Entenda que:

 

1) Os nossos objetivos reduzem as frustrações – A vida é dinâmica e todos os dias somos expostos a desafios. E as nossas escolhas definem como sairemos de cada circunstância, se frustrados ou vitoriosos.
Algumas pessoas fazem as coisas acontecer, outros olham as coisas acontecerem, e outros que nem têm idéia de como elas acontecem. Infelizmente estamos cercados de pessoas que não têm sonhos e ainda querem apagar os sonhos daquelas que têm… Portanto, se você fica, apenas, olhando os sonhos acontecerem, e não tem ideia de como tornar realidade os seus projetos, a sua vida vai a girar em torno de constantes frustrações.

 

2) Os nossos objetivos mantém a chama da motivação. O que é que te motiva a acordar todos os dias e sair para o trabalho, ir para a igreja etc… Uma pessoa que tem propósito sempre mantém em alta as chamas da motivação. Muitos perderam a motivação porque perderam os seus objetivos, não têm alvos, não têm visão, não tem projetos de vida. Vivem debaixo do jugo do desânimo: um dia está animado, no outro dia está desanimado, pra baixo, desistido… Por isso não crescem, não alcançam, não avançam, sempre estão debaixo da sentença de desânimo, a vida destas pessoas se tornam um ciclo vicioso, sempre volta no mesmo: desânimo. “Uma visão bem definida reduz frustração e aumenta a motivação”. Uma pessoa motivada, inspirada: ela luta, ela corre, ela batalha pela vida. As pessoas mais felizes são pessoas que têm uma vida com propósitos definidos. Elas sabem que vão chegar, e ainda que demore, elas não desistem, elas continuam crendo e elas não vivem debaixo do jugo desânimo.

 

3) Os nossos objetivos definem a dimensão da nossa conquista – Paulo nos ensina que focar é não apenas dizer sim para os nossos propósitos, mas dizer não às muitas outras propostas boas que surgiram no caminho. Uma pessoa com propósitos definidos não se frustra, é motivado e tem um foco de vida. “Irmãos, quanto a mim, não julgo havê-lo alcançado; mas uma coisa faço: esquecendo-me das coisas que para trás ficam e avançando para as que diante de mim estão, prossigo para o alvo, para o prêmio da soberana vocação de Deus em Cristo Jesus.” (Fil. 3:13,14)

 

Conclusão: Paulo estava definido em seus objetivos, estava focado em sua visão. Ele era um homem inspirado e focado no seu propósito, na sua visão. Ele disse: “Eu sei o que eu quero, e vou caminhar na direção do meu objetivo, não vou me distrair com as coisas que ficaram para trás.” Ore, busque de Deus, defina os seus objetivos e entre na dimensão da vida abundante.

 

Apóstolos Ivanildo e Cássia Beatriz
26/03/17. “2017 – A Minha Família no Altar”
Acesse: www.bna12.com.br

0 Comentários

Deixe o seu comentário!

 Top